terça-feira, 15 de agosto de 2017

"BR-364 poderá fechar e deixar a população do interior do Acre desabastecida", alerta Jesus Sérgio

Ray Melo, da editoria de política do ac24horas  - O deputado Jesus Sérgio (PDT) voltou a criticar os trabalhos de recuperação da BR-364 executados pelo DNIT no interior do Acre. Ele afirma que a rodovia poderá fechar em pouco mais de um mês e deixar a população do interior do Acre desabastecida de alimentos e isolados por via terrestre, caso as chuvas persistam nos trechos que os serviços de terraplanagem estão sendo executados.

“Semana passada, eu estive nessa Casa falando sobre a BR e fazendo um previsão de futuro que, quando chegasse o inverno, a forma que ela está sendo construída viraria um lamaçal. Nem precisou chegar o inverno. A forma que a BR está sendo feita, apenas com terraplanagem, sem tratamento, toda vez que chover é um risco andar pela BR-364 por causa dos acidentes”, destaca Jesus Sérgio.
Segundo o deputado, “as notícias que tive é que muitos caminhões estavam atolados na estrada porque não conseguiam trafegar. Uma chuvinha de verão não é para criar o transtorno que criou. Inclusive, com acidentes. Nós não podemos ficar aqui parados. Nós dessa casa, temos que cobrar dos nossos deputados federais e senadores, algo mais enérgico do DNIT nacional”.
Jesus Sérgio destaca que converso com diretor do DNIT local, que deu um prazo até o final do mês de agosto para que a empresa que ganhou a licitação para recuperação da BR contrate mais caminhões para carregar pedras para estrada. Imagino que precise no mínimo de 100 caminhões para fazer duas frentes de trabalho. O diretor disse que tem 50,mas eu não vi esses caminhões. Vi no máximo cinco. Se não for tomada uma atitude, a estrada vai fechar”, finaliza.

quinta-feira, 10 de agosto de 2017

No Dnit, Jesus Sérgio denuncia lentidão das obras; empresa terá prazo até o fim de agosto para sanar atrasos

Após relatar sua preocupação com a lentidão das obras de recuperação da BR-364, o deputado Jesus Sérgio esteve reunido com o diretor do Departamento Nacional de Infraestrutura (DNIT), Tiago Caetano, na manhã desta quarta-feira, 09, na sede do órgão para cobrar mais agilidade no andamento das obras.

Jesus Sérgio deixou claro sua preocupação quanto a etapa que antecede a cobertura asfáltica, pois se não for concluída em tempo hábil todo trabalho já realizado será perdido, pois o período chuvoso se aproxima e a rodovia tende a virar um grande atoleiro e deixar toda população da Regional Tarauacá/Envira isolada.

Em resposta, Tiago Caetano informou ao parlamentar que todas as medidas estão sendo adotadas junto a empresa responsável pelas obras. O gestor não descarta a hipótese de rescisão de contrato caso não conclua a obra em tempo hábil.

Segundo Tiago, o entrave seria por conta da logística concernente ao transporte e a compra da pedra/brita. Ele relatou ainda que no início da semana esteve reunido com o dono da empresa, o qual foi informado que terá um prazo até o final do mês de agosto para resolver o problema, do contrário terá o contrato rescindido com o DNIT. O responsável pela obra informou o órgão que iria aumentar as frentes de serviço para cumprir os prazos e também aumentar o número de carretas no transporte das pedras.

Em Tarauacá, no sábado, 05 de agosto, Jesus Sérgio esteve reunido com o senador Jorge Viana (PT) para pedir maior empenho da Bancada Federal, em Brasília, para cobrar urgência no andamento dos trabalhos, bem como a liberação dos recursos em Brasília.

“Temos que nos esforçar para garantir a continuação dos trabalhos de manutenção da BR 364. Enquanto não tiver uma atenção especial por parte do governo federal e do DNIT essa estrada não ficará pronta. Nós precisamos dessa estrada funcionando, o povo do Acre clama por isso há muito tempo”, finalizou.



quarta-feira, 9 de agosto de 2017

NOTA DE ESCLARECIMENTO

Venho publicamente esclarecer quanto ao meu discurso realizado no pequeno expediente desta terça-feira, 08 de agosto, na Tribuna da Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), em que apresentei com preocupação os recentes ataques orquestrados em Tarauacá por membros de facções criminosas, que tem aterrorizado nossa população.

Lamentavelmente houve uma interpretação errônea de meu discurso quando me referia a um afrouxamento do sistema de segurança pública. Oportunidade em que destaquei a necessidade de adotar ações mais enérgicas no combate ao crime. Em momento nenhum a palavra foi atribuída a pessoa do comandante da Polícia Militar de Tarauacá (PM). O objetivo era cobrar mais rigidez no combate à criminalidade no Estado, pois sabemos que faz-se necessário ações ostensivas e ininterruptas. Sei também, e reconheço, os esforços da corporação de nosso município no combate ao crime.

Bem sei que o problema da violência no Estado não pode ser atribuído a uma pessoa, tampouco a uma corporação, mas como representante do povo não posso deixar de reivindicar e debater tais problemas ao citar aqueles que devem executar tais ações.

Em resposta a Nota assinada pelo do Tenente Coronel Jefferson Ruiz de Almada, Comandante do 7º Batalhão da Polícia Militar (BPM) quero esclarecer que não é meu objetivo atacar a honra deste e de sua corporação - como foi a interpretação de alguns -, mas sim reforçar a necessidade da polícia fechar o cerco contra essa onda de crimes que vem roubando a paz dos acreanos. No mais, me coloco à disposição para juntos somarmos forças no combate à violência e defesa de nosso povo.

*Para facilitar a compreensão de todos acerca do assunto disponibilizo o link de meu discurso, que assevera o que falo acima:


Rio Branco – Acre, 09 de agosto de 2017.


Jesus Sérgio de Menezes
Deputado Estadual (PDT/AC)


terça-feira, 8 de agosto de 2017

Jesus Sérgio pede união da Bancada Federal para acelerar obras de recuperação da BR-364

No grande expediente  desta terça-feira, 08, o deputado Jesus Sérgio voltou a falar sobre os trabalhos de manutenção da BR 364. Segundo o parlamentar, apesar da lentidão em alguns serviços, os trabalhos de manutenção estão sendo bem executados.  

“Viajei mais uma vez de carro pela BR-364 e como sempre faço, fui parando ao longo da rodovia para acompanhar de perto os reparos que estão sendo feito. Apesar da lentidão em alguns serviços, esse é o melhor trabalho de manutenção feito na rodovia. Estão fazendo uma limpeza grande na lateral da estrada para fazer a drenagem, está sendo feito a terraplanagem e a reciclagem do material antigo. O barro e a areia já estão sendo jogados. Só a parte da cobertura que é feita para que todo o serviço não seja perdido durante o inverno que está devagar, e é exatamente isso que me preocupa”, disse.

Em Tarauacá, Jesus Sérgio esteve reunido com o senador Jorge Viana e pediu que ele articulasse junto a Bancada Federal para cobrar urgência no andamento dos trabalhos, bem como a liberação dos recursos em Brasília.

Para concluir o deputado pediu mais atenção do governo federal e do Dnit com a estrada. “Temos que nos esforçar para garantir a continuação dos trabalhos de manutenção da BR 364. Enquanto não tiver uma atenção especial por parte do governo federal e do DNIT essa estrada não ficará pronta. Nós precisamos dessa estrada funcionando, o povo do Acre clama por isso há muito tempo”, finalizou.

Mircléia Magalhães, da Agência Aleac

Jesus Sérgio relata momento de tensão em Tarauacá e cobra ações enérgicas para combater a criminalidade

Em seu discurso no grande expediente desta terça-feira, 08, o deputado Jesus Sérgio falou que a população de Tarauacá vive atormentada com a onda de incêndios criminosos que assola a cidade. 

O deputado pediu uma ação mais enérgica da Secretária de Segurança do Estado para combater a criminalidade.  

“Estava em Tarauacá desde quinta à noite e confesso que fiquei assustado com o que vi. Eu confesso que não dormi a noite por causa do medo, a população está atormentada devido a onda de incêndios que estão acontecendo. Ontem, prenderam uma jovem de 20 anos, ela recebeu ordem de Rio Branco para atear fogo na cidade toda, casas e ônibus foram queimados. E o que é feito para acabar com isso? Quais as ações estão sendo aplicadas para combater esse terror? ”, questionou.

De acordo com o parlamentar houve um afrouxamento do sistema de segurança pública e pediu dotação de ações mais enérgicas no combate ao crime. 


Mircléia Magalhães, da Agência Aleac

quarta-feira, 2 de agosto de 2017

Deputado Jesus Sérgio pede que Procon tome providências sobre atendimento bancário na Regional Tarauacá/Envira

As dificuldades enfrentadas por moradores de Jordão e Tarauacá para serem atendidos nas agências bancárias foram o tema do discurso do deputado Jesus Sérgio (PDT), durante sessão realizada nesta quarta-feira (2). O parlamentar apresentou requerimento solicitando que o Procon tome medidas a fim de resolver o problema.

O pedetista denunciou que aposentados e pensionistas que vivem na zona rural dos referidos municípios enfrentam as mais diversas dificuldades para se deslocar às agências bancárias, e ao chegarem na cidade se deparam com falta de dinheiro para pagamento e muitas vezes até mesmo ausência de atendentes e agências fechadas.

“Fui procurado pela população de Tarauacá e Feijó, pois aposentados e pensionistas estão sendo obrigados a enfrentar esse tipo de problema. Falta dinheiro para o pagamento das pensões, faltam atendentes e essas pessoas, que muitas vezes passam dias num barco passando pelas mais diversas privações, são obrigadas a voltar para suas casas sem receber aquilo que lhes é de direito”, denunciou o parlamentar.

Jesus Sérgio solicitou que um representante do Procon visite os municípios e notifique as agências bancárias, para que o problema seja solucionado o quanto antes.

Andressa Oliveira, Agência Aleac

quarta-feira, 26 de julho de 2017

Jesus Sérgio dá boas vindas aos novos filiados do PDT


O deputado estadual, Jesus Sérgio, participou na noite desta quarta-feira (26) do Ato de Filiação dos secretários Emylson Farias (segurança) e Cristovam Pontes (Deracre) e também lideranças comunitárias que assinaram a ficha de filiação ao Partido Democrático Trabalhista (PDT).

O evento contou com a presença do presidente nacional do Partido Democrático Trabalhista (PDT), ex-ministro Carlos Lupi. Dezenas de pessoas lotaram o Espaço Maison Borges,  entre eles apoiadores, lideranças comunitárias e políticas e a militância pedetista. 

Jesus Sérgio deu as boas vindas aos novos colegas a família pedetista e destacou o trabalho realizado pelos secretários à frente de suas pastas. Ele falou ainda da importância das bandeiras defendidas pela sigla: educação e a defesa dos trabalhadores e encerrou hipotecando apoio ao presidente nacional em defesa da sigla.